Jovem Pan Online - RSS

domingo, 25 de agosto de 2013

Resumão da rodada na Segunda Divisão

Cláudio Messias*

Muitas máscaras caíram neste domingo de rodada de abertura da terceira fase na Segundona do Paulistão 2013. Quem era favorito, perdeu. E quem não tinha tanto favoritismo assim, agora lidera o grupo. Surpresas e decepções que fazem do futebol uma modalidade esportiva que, imprevisível, é cada vez mais apaixonante.

A primeira rodada da terceira fase começou ontem à tarde. O Atibaia manteve a condição de favorito do grupo 16 e venceu o Primavera por 2 a 1. Em seguida, Olímpia e Paulistinha entraram em campo pelo grupo 18, do Assisense. O Paulistinha abriu 2 a 0, mas ainda no primeiro tempo o Olímpia reagiu, empatou e fez o placar do jogo. À noite, o surpreendente Tupã fez 2 a 1 no Primavera e continua favorito a uma vaga no grupo 17.

Hoje pela manhã vieram os resultados mais surpreendentes. Com transmissão pela Rede Vida o XV de Jaú venceu, em casa, o favorito Inter de Bebedouro (2x1) pelo grupo 15. No mesmo horário e também pelo grupo 15, a azarona Matonense, que só garantiu vaga nessa fase na última rodada da fase anterior, foi a Diadema e venceu o time local por 2 a 1. Assim, Inter e Diadema, favoritos, agora dividem a última colocação.

Cogitado na primeira fase, mas digno de críticas na segunda, o Fernandópolis confirmou meu prognóstico e perdeu, em casa, para o badalado Água Santa, pelo grupo 16. O placar elástico de 3 a 0 mostra o quão frágil e irregular é o Fefecê, que desde o domingo passado é alvo de críticas da imprensa esportiva local e da própria torcida.

A rodada foi completada com o jogo Assisense 2x0 União Suzano, fazendo cair mais um favorito a vaga no grupo 18.

Com os resultados da primeira rodada e reconhecendo ser, ainda, muito cedo para falar em classificação, já há situação de momento entre os 8 clubes que avançam para a quarta e penúltima fase da Segundona. No grupo 15 estão no páreo Matonense e XV de Jaú, enquanto Inter de Bebedouro e Diadema se reorganizam para iniciar a disputa pela estaca zero.

No grupo 16 o Água Santa continua favorito e passa a ser, entre os 16 clubes em disputa, o que tem melhor retrospecto para falar em conquista do título. Divide a liderança com o também badalado Atibaia. 

Já no grupo 17 o Tupã depende, ainda, da realização do jogo Cotia x Tanabi (no momento, no segundo tempo, 0x0) para saber se mantém ou não a liderança isolada. Trata-se do grupo mais fraco dos 4 em disputa.

Enfim, por enquanto o Assisense é o único líder isolado de grupo efetivamente definido. Dos 16 clubes em disputa na terceira fase, é o que tem  a segunda melhor campanha, atrás apenas do Água Santa.




*Professor universitário, historiador e jornalista, é mestre em Ciências da Comunicação pela ECA/USP.

Nenhum comentário :