Jovem Pan Online - RSS

sábado, 11 de julho de 2015

FIM DE JOGO - Grêmio Prudente fecha a conta: 6x0 no Bandeirante

Cláudio Messias*

O Grêmio Prudente fez o óbvio e venceu, por goleada, o frágil Bandeirante, de Birigui, nessa tarde de sábado, em Presidente Prudente. O líder isolado do Grupo 1 ampliou a vantagem e soma 29 pontos com os 6x0 aplicados no Bandeirante, lanterna da chave.

Os visitantes de Birigui foram ao Prudentão com somente um jogador no banco de reservas. Caíque, que é goleiro, vem sendo utilizado como atacante. De acordo com a competente equipe esportiva da rádio Comercial 1740 AM, o jogador só aceita entrar em campo para atuar no ataque, reconhecendo ter dificuldade para atuar na defesa.

Ao final do jogo os atletas do Bandeirante garantiram que aqueles que permaneceram no elenco levarão o clube até o final, sem abandono. Agora, faltam 5 jogos para o desfecho da Primeira Fase e o time de Birigui soma somente 6 pontos, resultantes de três empates, ou seja, sem uma vitória sequer em 13 jogos disputados.

Na parte de cima da tábua de classificação o Grêmio Prudente confirma a nona vitória no torneio e amplia o saldo de gols para 14 tentos. Seu ataque tem 29 gols marcados e 15 sofridos. Faltando 5 jogos para encerrar o returno, o time de Presidente Prudente está a 10 pontos do quinto colocado Fernandópolis e, assim, dependendo dos resultados finais que fecham a décima segunda rodada, está a duas vitórias de garantir matematicamente vaga na Segunda Fase, sem depender de ninguém.

Grêmio Prudente 6x0 Bandeirante foi assistido por 498 torcedores pagantes.

Daqui a pouco, às 19 horas, com transmissão ao vivo pela Rede Vida de Televisão, o Fernandópolis recebe o José Bonifácio no estádio Alberto Victolo. Atual quinto colocado, o Fefecê pode, com uma vitória, passar o Vocem e ocupar a primeira vaga do G-4 do Grupo 1.

Crédito - Acompanhei parte do segundo tempo do jogo Grêmio Prudente 6x0 Bandeirante na excelente cobertura da equipe esportiva da rádio Comercial 1740 AM, de Presidente Prudente, comandada por Gésner Dias.



* Professor universitário, historiador e jornalista, é mestre e doutorando em Ciências da Comunicação pela ECA-USP.

Nenhum comentário :