Jovem Pan Online - RSS

sábado, 23 de maio de 2015

SEGUNDONA BRAVA - Fernandópolis empata no final e segura vaga no G-4

Cláudio Messias*

O desenrolar do jogo foi dramático, mas no final o Fernandópolis conseguiu escapar do pior. Instável, o Fefecê viu o rival regional Tanabi abrir o placar aos 17 minutos do primeiro, em um lance que a Rádio Disufora AM 1160, de Fernandópolis, definiu como sendo de extrema infelicidade do zagueiro Müller. Em jogada de linha de fundo do Tanabi a bola foi cruzada na área e Müller, comumente confundido com o famoso e veterano Müller, ex-São Paulo, Corinthians e Santos, mandou para o fundo do próprio gol. Apenas para registro: Müller, o veterano, ficou apenas três rodadas em Fernandópolis, deixando o projeto do Fefecê para ser técnico no futebol gaúcho.

Os comentários da equipe esportiva da Difusora AM 1160 mostram um Tanabi que foi melhor em campo, desperdiçando várias oportunidades de ampliar o placar. Mas, o Fernandópolis também teve suas chances, e duas penalidades definidas pelos radialistas da casa como passível de ser assinaladas. O gol de Jean Pierre, aos 39 minutos, fez jus àquilo que as duas equipes apresentaram, mesmo o Tanabi jogando os últimos 10 minutos com um atleta a menos (Henrique foi expulso aos 37 minutos finais).

Com o ponto somado o Fernandópolis não só mantém-se no G-4, como consolida-se na terceira colocação do Grupo 1, com 8 pontos, deixando o bloco de 4 clubes que somam 7 pontos: Tanabi, Assisense, Noroeste e Osvaldo Cruz, que nos critérios de desempate tentam ocupar a quarta vaga na chave, hoje com o Falcão do Vale. Já o Tanabi, por estar com esses 7 pontos, saiu da sétima e foi para quarta colocação, tirando do G-4 o Atlético Assisense.

O Fernandópolis vai a Osvaldo Cruz e faz confronto direto com o time local pela permanência no G-4. O jogo será realizado no domingo, dia 31, no estádio Breno Ribeiro do Val. Já o Tanabi faz clássico com o Atlético Assisense, em casa, também às 10 horas do próximo domingo, dia 31.

Não houve, novamente, divulgação de público e renda em mais um jogo realizado no estádio Cláudio Rodante, em Fernandópolis.





* Professor universitário, historiador e jornalista, é mestre e doutorando em Ciências da Comunicação pela ECA-USP.

Nenhum comentário :