Jovem Pan Online - RSS

terça-feira, 4 de agosto de 2015

CLASSIFICAÇÃO GERAL - Restam apenas 6 das 12 vagas da Segunda Fase

Cláudio Messias*

O funil da Segundona 2015 já está separando os clubes que têm solidez daqueles que foram mera fumaça nas primeiras 16 rodadas da temporada. Faltando 2 rodadas para o encerramento da Primeira Fase, 7 agremiações já garantiram presença na próxima e decisiva fase. Restam apenas 5 lugares.

No final de semana passado entraram no seleto grupo com classificação garantida mais 5 clubes. Já estavam classificados São Bernardo e Olímpia. Agora, planejam com tranquilidade a participação na Segunda Fase: Atlético Assisense, Noroeste, Grêmio Prudente e Jabaquara.

Igualmente, a Segundona produz, aos poucos, eliminados. Já não tem qualquer chance de classificação um total de 10 clubes. Se antes já estavam eliminados Amparo, José Bonifácio, Palmeirinha, Desportivo Brasil, Barcelona Esportivo, Bandeirante, ECUS e Osvaldo Cruz, agora a matemática coloca Diadema, Guarulhos e Tanabi nesse mesmo grupo que apenas cumprirá tabela nas duas últimas rodadas.

O denominado G-12 gestado pelo Blog está, nas últimas rodadas, sendo caracterizado pelo entra e sai de agremiações que figuram nos grupos em que a disputa por vaga nos respectivos G-4 é mais acirrada. O América encostou de vez na vaga, reduzindo para 3 o número de pontos em relação ao quinto colocado Fernandópolis e quatro a distância em relação ao quarto colocado Vocem.

O time de Rio Preto passa a ficar de olho duas vezes no Atlético Assisense, já classificado. Torce pelo Falcão do Vale no derby do próximo domingo, com o Vocem. Em eventual vitória do Atlético Assisense, basta o América vencer o confronto direto que tem com o Fernandópolis, sexta-feira, para igualar a pontuação do rival, mas ainda assim ficar atrás devido aos critérios de desempate (saldo de gols). Vai para a última rodada para receber o Atlético Assisense, precisando vencer e, ainda assim, contar com empate no outro confronto Vocem x Fernandópolis. Missão difícil, chances matemáticas para o time de Rio Preto.

Situação difícil é a do Grupo 2. Lá, 6 clubes têm condições, ainda, de ficar com as 3 vagas que restam para a Segunda Fase. Inter de Bebedouro, que poderia ter garantido vaga no final de semana passado (bastaria vencer o Elosport, com quem empatou em 0x0), soma 29 pontos e respira um pouco mais aliviada. Está, pois, um ponto à frente do trio parada dura formado por Lemense, Olé Brasil e Elosport, que têm 28 pontos e devem travar luta severa até a última rodada. Inter precisando de uma vitória na casa do Palmeirinha para, enfim, planejar o que fará para lutar por vaga na Série A-3 na Segunda Fase.

No Grupo 3, o mais irregular da Segundona 2015, Guarulhos e Diadema deram adeus às chances matemáticas de classificação. Agora, continuam na briga pelas duas vagas da chave Taboão da Serra, Manthiqueira, Mauaense,  Portuguesa Santista e Suzano. Cinco pontos separam o terceiro colocado Taboão da Serra do sétimo Suzano. Vitória do Taboão sobre o eliminado Guarulhos o garante na próxima fase.

Segunda Fase - A simulação quanto à composição dos dois grupos que decidirão, na Segunda Fase, os 4 clubes com acesso à Série A-3 de 2016 mostra, hoje, disputas interessantes.

O Grupo 4 seria, em simulação, composto por Noroeste, São Bernardo, São Carlos, Inter de Bebedouro, Vocem e Manthiqueira.

O Grupo 5 estaria formado por Olímpia, Grêmio Prudente, Jabaquara, Atlético Assisense, Taboão da Serra e Lemense.

* Professor universitário, historiador e jornalista, é mestre e doutorando em Ciências da Comunicação pela ECA-USP.


Nenhum comentário :