Jovem Pan Online - RSS

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Inscrito, Vocem disputará com Assisense por vaga na Série A-3

Cláudio Messias*

A Federação Paulista de Futebol aceitou o pedido de inscrição do Vocem para a disputa da Segunda Divisão do Campeonato Paulista de 2014. O protocolo ocorreu nessa quarta-feira, na sede da instituição, em São Paulo. Agora, o grupo de empresários que pretende fazer a gestão do Vila Operária Clube Esporte Mariano tem de correr contra o tempo e regularizar toda a parte burocrática até a próxima sexta-feira, também conhecida como depois-de-amanhã.

Nos últimos dias mantive contato com alguns dos novos gestores do Vocem. Um deles, Edson Fiúza, o troglodita, garantiu que a ação empreendedora em nada tem a ver com retaliação ao Clube Atlético Assisense. Fiúza foi diretor de futebol e presidente do Assisense, respectivamente em 2004 e 2005. Entre seus apoiadores nessa nova jornada está Gílson "Zenon", da Concreforty, principal articulador financeiro do Falcão do Vale na temporada passada. Os dois gestores dizem não ter aceitado a proposta de administração do futebol profissional do clube para essa temporada e, assim, procuraram novos parceiros. Além do Vocem, foi sondada a inscrição do Esporte Clube Paraguaçuense.

Agora, o desafio de Fiúza, Gílson e demais empresários e políticos envolvidos nos trâmites é montar o conselho deliberativo do Vocem e eleger uma diretoria que tenha como cargo majoritário a função de presidente. É essa a documentação que precisa ser encaminhada à Federação até sexta-feira, com o devido pagamento de taxas. Um balanço financeiro contendo levantamento de declaração negativa de débitos junto à Previdência, além de possíveis pendências trabalhistas, estão entre as formalidades que o grupo de investidores precisará providenciar antes do início do campeonato da Segundona, previsto para começar dia 6 de abril.

A inscrição do Clube Atlético Assisense foi feita na semana passada, quando da realização do conselho técnico da Segundona. Como o Falcão do Vale está credenciado e filiado, teve, apenas, de recolher as taxas necessárias. Isso significa dizer que Assisense x Vocem tendem a fazer o primeiro derby assisense da história, o que pode ocorrer já na primeira fdase ou no mais tardar na segunda fase, dependendo do número de agremiações que até sexta-feira a Federação confirmar como inscritas para a disputa da Segunda Divisão.

Do lado do Falcão do Vale o projeto traçado para 2014 permanece inalterado. Parte dos empresários que apoiaram o clube na temporada passada continua, mantendo, inclusive, as placas de apoio à beira do gramado do estádio Tonicão. Novos apoiadores tendem a ser, também, anunciados, dentro da proposta de fazer com que em 2014 o Assisense suba para a Série A-3, não ficando no "quase" do ano passado.

Pelos prazos da Federação, na sexta-feira que vem o Assisense também registrará nova diretoria, uma vez que foi dado baixa nos nomes que saíram para assumir o projeto do Vocem. O presidente continua sendo Carlos Antunes "Boi", que terá a seu lado figuras da política e do meio empresarial da própria cidade. O investimento anunciado em bastidores representa algo em torno de 50% a mais em relação ao que foi injetado para que o clube ficasse entre os 10 melhores da Segundona de 2013.

De minha parte, não ficando em ciuma do muro, continuo com o coração vocemista, mas a paixão de torcedor pelo Assisense. Insisto na gestão responsável, de maneira que um projeto seja respeitado. Se houve planejamento para o Assisense, que aguardemos passar 2014. Daqui exatamente a um ano voltamos a conversar, pois o arquivo cá fica registrado. A razão mostra um Assisense forte em 2014, mas a emoção aponta para um Vocem que chega forte. Quem ganha é o futebol. Só espero, nesse ínterim, que a ética n~ao saia perdendo.



*Professor universitário, historiador e jornalista, é mestre e doutorando em Ciências da Comunicação pela ECA/USP.

Um comentário :

Henrique Almeida disse...

Pelas noticias que estao saindo ai na cidade, e quase 99,9 % que o VOCEM vai participar junto com o assisense do paulista, se tivermos duas equipes fortes sera muito benéfico pra cidade vc não acha Messias? e o que me parece não ouve puxada de cadeira dos investidores com o assisense...