Jovem Pan Online - RSS

terça-feira, 15 de setembro de 2015

SEGUNDONA BRAVA - São Carlos vence jogo adiado, fora de casa, e mantém sobrevida do Assisense

Cláudio Messias*

O Atlético Assisense não tem do que reclamar da sorte nessa quarta rodada da Segunda Fase da Segundona 2015. O time de Assis empatou jogo nos acréscimos, sábado, em Presidente Prudente (1x1 com o Grêmio), viu o cada vez menos favorito Olímpia ser derrotado em casa pelo Taboão da Serra (1x0) e, ontem, em jogo adiado por causa do mau tempo, foi contemplado com vitória do São Carlos (2x1), em Santos, sobre o Jabaquara.

O resultado dessa segunda-feira beneficia o Atlético Assisense porque segura o Jabaquara nos mesmos 2 pontos que o time de Assis. A essa altura, o melhor a fazer é torcer para que o São Carlos, definitivamente, mantenha a trajetória meteórica dessa Segunda Fase (até aqui são 4 jogos e 4 vitórias) e seja, merecidamente, o finalista do Grupo 5 no torneio. Essa estratégia só muda daqui a duas rodadas, quando São Carlos e Atlético Assisense voltam a se enfrentar, dessa vez em São Carlos, abrindo o returno. Falcão do Vale, nesse jogo, precisando ser a zebra tirando pontos do líder. Já o São Carlos, caso nesse jogo mantenha os 100% de aproveitamento, já estará moralmente assegurado na Série A-3, com 18 pontos.

Quis, também, a tabela da Segunda Fase que Atlético Assisense x Jabaquara seja o duelo do próximo final de semana, no estádio Tonicão, em Assis. Confronto direto que pode parecer, em um primeiro momento, disputa para decidir quem fica na lanterna do Grupo 5. Olhando por outro prisma, porém, o vencedor subirá para 5 pontos e, dependendo dos outros resultados da chave, manterá distância suficiente em relação ao vice-líder para, no returno, brigar pela outra vaga na Série A-3. Isso porque São Carlos x Olímpia se enfrentam e pode haver nova derrota do vice-líder Olímpia, enquanto no outro confronto deparam-se Taboão da Serra x Grêmio Prudente. Um empate nesse jogo seria o resultado dos sonhos daquele que vencer o duelo Atlético Assisense x Jabaquara.

Para os planos do time de Assis há outros elementos que começam a pesar a favor. O fato de o jogo em Santos, mandado pelo Jabaquara, ter sido realizado somente ontem, devido às chuvas que caíram na Baixada Santista no final de semana, provocou atraso no planejamento do próximo adversário do Falcão do Vale. Derrota para o São Carlos na segunda e jogo, no domingo, contra um adversário que jogou no sábado e, portanto, dispõe de três dias a mais de descanso e preparativos para o confronto direto. Isso, somado, ainda, ao fato de o Jabaquara ter de sair de Santos e enfrentar quase 600 quilômetros de viagem até Assis.

A lógica da classificação do Atlético Assisense continua a mesma. Para chegar à Série A-3 de 2016 o time de Assis precisa, além de vencer o Jabaquara, ir para o returno sem o direito de sofrer derrotas. E, nesse ínterim, vencer os dois jogos que realiza como mandante, ante Taboão da Serra e Grêmio Prudente, e superar-se o suficiente para vencer ou Olímpia ou São Carlos, na casa desses adversários. A esse bojo soma-se, obviamente, vitória sobre o Jabaquara, em Santos, na última rodada. Dependendo do cruzamento de resultados a classificação até que chegaria com empates em Olímpia e São Carlos, porém essa seria tão somente a segunda parte do milagre.

* Professor universitário, historiador e jornalista, é mestre e doutorando em Ciências da Comunicação pela ECA-USP.

Nenhum comentário :